in

AprendiAprendi Amei!Amei!

A visão de Nossa Senhora do Coromoto

Imagem de Google Imagens, editada por Tenda do Senhor

A visão de Nossa Senhora de Coromoto remonta ao século XVII. Em 1652, o cacique da tribo de Coromoto não apenas teve uma visão de uma Senhora com um menino no colo como também vindo em sua direção caminhando sobre as águas.

Ela disse, em língua nativa, para ir até onde moravam os brancos para receber água sobre sua cabeça e, assim, poder ir para o céu. Ele foi então convencido e, junto com os outros índios, foi buscar os homens brancos. Ele chegou a estudar e frequentar a catequese, mas logo desanimou e abandonou tudo.

A Segunda Visão

Posteriormente, a Mulher lhe aparece de novo e ele, irritado, atira uma flecha e vai em sua direção para a empurrar. Ela apenas sorri e desaparece, deixando em suas mãos uma pedra ovalada gravada com a imagem da Virgem Maria com seu Filho no colo.

Nesse meio tempo, um dia, ao entrar no bosque, o cacique foi mordido por uma cobra. Vendo-se mortalmente ferido e entendendo como um castigo dos céus pela sua conduta com a Senhora, ele se arrepende e pede o Batismo e a todos os seus índios que sigam a Fé Católica.

Padroeira da Venezuela

Nossa Senhora de Coromoto foi declarada Padroeira da Venezuela pelo Episcopado venezuelano no 01/05/1942. E foi declarada a “Celeste e Principal Padroeira de toda a República da Venezuela” pelo papa Pio XII em 07/10/1944. Sua festa é celebrada dia 11 de setembro e o Santuário Nacional está construído no local da aparição, perto da cidade de Guanaguanare.

A pedra entregue ao Cacique por Nossa Senhora é até hoje venerada nesse templo que foi abençoado por São João Paulo II, Papa, em fevereiro de 1996.

A Venezuela é considerada uma das nações mais mariana do mundo, com mais de 40 santuários dedicados à Virgem. Atualmente pode-se afirmar que não existe um só templo católico venezuelano que não possua uma imagem de Nossa Senhora de Coromoto.

Oração à Nossa Senhora de Coromoto

Sagrada Senhora de Coromoto, Ponte de Luz à nova humanidade, reza junto a nós todo o tempo, converte a raça de todo este planeta para que, alçados ao Céu por Seus braços, digamos sim à nossa santa liberdade. Amém.

Escrito por Equipe Tenda do Senhor

Grupo de Oração Tenda do Senhor

O que você acha?

16 Points
Upvote Downvote

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pessoa segurando a bíblia

Inspirações Bíblicas Missionárias #04

Santos Anjos da Guarda

Os Santos Anjos da Guarda